O britador esta alí, mas não se vê. Não perturbe

18-12-2018
A caçamba trituradora MB-C50 ao trabalho em um palácio na Baviera

A caçamba trituradora MB-C50 ao trabalho em um palácio na Baviera

No numero 45, Franziskaner Strasse em Munique, as pessoas fugiam durante a guerra para se abrigar em prédios vizinhos, escapando por túneis subterrâneos, para não ter que sair na rua e correr o risco de serem detidos. Acredita-se até que alguns túneis subterrâneos foram construídos já em 1700.

Hoje as galerias e túneis ainda estão lá, mas acima deles nasceram edifícios modernos, casas, lojas, que às vezes precisam ser expandidas para acomodar novos inquilinos.

Mas nos centros das cidades é muito difícil ampliar os edifícios (há ruas, estacionamentos, calçadas, ou seja, pouco espaço) entao é necessario reconstruir ao interno dos mesmos edificios.

E assim aconteceu no número 45, onde a empresa alemã Stöger Baggebetrieb, especializada em reestruturação civil, interveio para construir uma nova parte do edifício, demolindo parte do pátio interno para construir as novas fundações.

Assim, o maior desafio era administrar o canteiro de obras em segurança, em pouco tempo e sem perturbar os moradores do prédio. Os problemas a serem enfrentados eram diferentes: passar as máquinas – pequenas - pela porta estreita do pátio. Não fazer muita poeira ou muito barulho, nem muita vibração. Gerenciar o material das escavações. Fazer tudo em pouco tempo e sem custos excessivos. Ou seja, máxima eficiência, mínimo desperdício.

Como?

Gestão da logística e segurança do canteiro de obras.

O britador esta alí, mas não se vê. Não perturbe

No número 45, a entrada é pequena e o pátio é estreito. A única máquina capaz de entrar sem problemas foi uma mini escavadeira Caterpillar de 5 toneladas para realizar as operações de escavação. Outros não passaram.

E então? O que fazer com material inerte?
A única solução parecia carregá-lo em pequenas vans e levá-lo a um centro de reciclagem, depois trazer o material estabilizado de volta para o pátio e gradualmente preencher as escavações para as novas fundações.

Mas quantas vans são necessárias para retirar o material e trazê-lo de volta para dentro? Quanto tempo? Quantos custos?
Praticamente um trabalho infinito e muito caro, além de complicado, tendo em conta as limitações de circulação em muitos centros urbanos e o inconveniente que provoca a passagem contínua de caminhões.

A solução? 

Instalar o britador MB-C50 na escavadeira Cat e fazer todo o trabalho necessário dentro do pátio. Em total segurança, porque a caçamba britadora é manobrada diretamente da cabine da escavadeira. Em um curto espaço de tempo, porque a caçamba trituradora MB coleta o material inerte e o tritura diretamente no local. Portanto, os custos de transporte do material são eliminados e a passagem de vans ou caminhões é evitada. Entre outras coisas, o próprio operador pode alterar o tamanho do material diretamente no canteiro de obras em poucos minutos, sem chamar uma oficina especializada.

A caçamba britadora MB-C50 também não tem custos de transporte, pois pode chegar diretamente ao local instalado na máquina operadora com a qual ela opera. E passa sem problemas por porta estreitas pois é pequena e compacta.

O britador esta alí, mas não se vê. Não perturbe

Não perturbe os inquilinos do edifício e respeite o meio ambiente

O britador esta alí, mas não se vê. Não perturbe

Quem gostaria de ter um canteiro de obras sob a janela da casa? Ninguem. Barulho e poeira incomodam, além de serem prejudiciais ao meio ambiente. E as vibrações podem comprometer a estrutura dos próprios edifícios.

A caçamba trituradora MB-C50 é equipada com um nebulizador para redução de poeira, faz pouco barulho em comparação com os meios de britagem tradicionais, cria poucas vibrações para a máquina em funcionamento e zero para os edifícios.

Portanto, menos meios que se movem, significa menos poluição e menos barulho. Reutilizar o material extraído no local significa menos custos e menos poluição. E é assim que o desperdício derivado da demolição se torna um recurso produtivo no canteiro de obras: para encher as fundações da nova construção, mas também as escavações, a superfície da estrada, os jardins como elementos de decoração. E se não encontrar oportunidades de uso para o material no canteiro de obras, torna-se um recurso comercial: pode ser vendido para outras empresas.

Como dizem, do not disturb please, men at work.
Produtos relacionados